Viagem Europa: Roteiro

Aqueles que acompanham a gente pelo Instagram e pelo Insta Stories sabem que acabamos de voltar de uma viagem de 24 dias pela Europa. Dividimos esse tempo para conhecer um pouco mais de Espanha, Portugal e o Principado de Andorra.

Neste primeiro post vamos contar um pouco do roteiro e do que mais nos impressionou nos locais visitados. Os posts completos com dicas de restaurante, atrações e onde se hospedar em cada cidade serão feitos um a um, na sequência da viagem.

Saímos do Brasil em um domingo num voo da LATAM com destino a Madri. Chegar no aeroporto de Barajas já é começar a viagem com o pé direito pois ele é super moderno, sem filas, com infinitas opções de compras e restaurantes; Além de tudo isso, é também considerado um dos mais belos do mundo e para sua construção foi feito até um concurso, vencido pelo engenheiro Marqués de los Àlamos e o arquiteto Luis Gutierrez Soto.

06 a 09/02- Madri

A capital espanhola é elegante, com grandes avenidas e um transporte público excelente, entretanto, dependendo da localização do seu hotel tudo pode ser feito a pé, vez que as principais atrações da cidade estão relativamente próximas. Passeamos pelo castelo Real de Madrid que é a residência oficial do rei da Espanha, mesmo que atualmente ele só compareça ao local para realizar atividades oficiais.

A Plaza Mayor, a Gran Vía, o mercado de San Miguel e seus arredores compõe um triângulo de visita obrigatória durante sua estada na cidade. A cidade não vai decepcionar aqueles que buscam excelentes museus como o Prado e o Reina Sophia, áreas verdes como o lindíssimo Parque del Retiro ou também para compras, com todas as grandes marcas espanholas e internacionais espalhadas pela capital.

Muitos bate-volta são possíveis desde Madri, como o santuário do Valle de los Caídos, a pitoresca Toledo e as jóias da arquitetura Segóvia e Ávila.

09 a 10/02- Córdoba

Da Estação Atocha em Madri seguimos viagem em trem de alta velocidade para Córdoba. Aproximadamente uma hora e meia depois chegamos ao nosso destino, que se feito de carro dura mais ou menos quatro horas. O trem é confortável com banheiro e restaurante a bordo.

Ficamos somente uma noite na cidade o que foi suficiente para conhecer as principais atrações da cidade como a belíssima Catedral-Mesquita de Córdoba, provar a deliciosa culinária da Andaluzia e nos perder pelas ruelas cheias de laranjeiras e flores que fazem a cidade tão famosa e imperdível no sul da Espanha.

Amamos a cidade e suas ruelas nos remeteram muito à Cartagena das Índias na Colômbia que visitamos no ano passado. Muitos alugam carro para fazer esse trecho e seguem viagem até Ronda, Sevilha, Granada, Málaga e tantos destinos deste país plural que é a Espanha. Nós recomendamos muito isso, mas por falta te tempo escolhemos conhecer somente Córdoba e Sevilha e deixar o resto para uma próxima viagem. Voltaremos com certeza.

10 a 12/02- Sevilha

Que cidade maravilhosa! Duas noites aqui deixaram um gostinho de quero mais para observar cada detalhe dos imperdíveis pontos turísticos da cidade como o espetacular Alcázar de Sevilla, a Catedral e a impressionante Plaza de España.

A culinária da cidade é toda baseada em tapas e regada a muito vinho e Sangria. Visitamos aqui restaurantes e bares deliciosos entre nossas andanças pela cidade e nos despedimos momentaneamente da Espanha para desvendar Portugal do centro ao norte.

12 a 16/02- Lisboa

Voamos de Tap Express de Sevilha para Lisboa em um voo de uma hora e meia. Deixar a Espanha, mesmo que por alguns dias foi difícil, mas estávamos muito ansiosos para conhecer a capital portuguesa, comer muitos frutos do mar, especialmente o bacalhau, e provar os deliciosos pastéis de Belém.

Lisboa é cheia de subidas e descidas e encontramos nos bondes elétricos uma opção agradável e típica de transporte. As atrações turísticas ficam um pouco afastadas uma das outras, mas pudemos chegar de transporte público em todas elas. Um ponto alto da cidade é a vista dos mirantes da cidade, ou dos elevadores, e a culinária merece destaque, desde restaurantes tradicionais até o descolado Mercado da Ribeira.

No penúltimo dia alugamos um carro que só viemos a devolver no aeroporto na Cidade do Porto e tiramos um dia inteiro para conhecer os castelos de Sintra, que parece um lugar de contos de fada, e passear por Caiscais e pelo Estoril.

16 a 17/02- Fátima

Para os católicos esta é uma parada obrigatória em uma viagem à “terrinha”. Entrar no santuário é algo grandioso e assistir uma missa ali foi um dos pontos altos da viagem.

O turismo em Fátima é dependente de peregrinação com hotéis especializados nisso e muitas lojas religiosas. Muita gente acaba não dormindo em Fátima, nós optamos por ficar para nos organizarmos e descansarmos um pouco. Acabamos achando um restaurante delicioso e tendo uma ótima impressão da cidade.

17 a 18/02- Coimbra

Partimos cedinho para Coimbra e nos hospedamos de um dos lados do rio Mondego. A cidade é feita para andar a pé mas aqui essa função é mais árdua pois as subidas são super íngremes! Muitos bares e restaurantes no caminho são paradas estratégicas para um descanso.

A Igreja da Sé Velha com seus arcos é um ponto turístico que adoramos e a chegada na centenária Universidade de Coimbra faz valer a pena todo o esforço. Fizemos o tour que nos dava acesso às salas de exame, à biblioteca e à capela que fazem parte do complexo onde os turistas tem acesso, já que as salas de aula não podem ser vistadas.

Dali também tem-se uma vista panorâmica desta bonita cidade à beira do rio que tem sua marca na história acadêmica e está no imaginário de muitos estudantes mundo afora.

18 a 21/02- Porto

Nossa favorita em Portugal, a cidade do Porto tem muita história em suas construções. A mais apaixonante delas é a livraria Lello, uma das mais belas do mundo. Não muito longe dali, o café Majestic faz voltar no tempo na hora do chá da tarde.

A parte que separa Vila Nova de Gaia, onde estão localizadas as famosas produtoras de vinho do Porto, e a cidade do Porto em si através da famosa ponte Dom Luís. A região às margens do rio é a mais agradável cheia de restaurantes e lojinhas, o lugar fica lotado nos fins de semana! Aqui devolvemos o carro e voltamos para explorar o restinho da Espanha e conhecer o pouco visitado pelos brasileiros, Principado de Andorra.

21 a 24/02- Barcelona

Essa é para nós uma das cidades mais incríveis do mundo! Barcelona reúne cultura, estilo de vida, gastronomia, arquitetura e todos os adjetivos que se pode esperar da capital da Catalunha.

A fama da cidade não é à toa e todas as obras de Gaudí, os parques, a orla da praia, os restaurantes super descolados e a atmosfera de uma cidade pequena em um lugar tão diverso e plural fazem dela parada obrigatória em qualquer viagem, somente á Espanha, mas como também à Europa. Difícil definir o número de dias e o roteiro nesta cidade, pois ela realmente oferece ótimas opções para todos os gostos, bolsos e idades!

24 a 26/02- Andorra La Vella

Uma estrada estonteante e cenográfica separa Barcelona do Principado de Andorra. Utilizamos o serviço de um ônibus que leva diariamente turistas da estação Sants ou do Aeroporto de Barcelona para o centro de Andorra La Vella e o preço é super justo.

Sinceramente, quando contávamos que íamos conhecer Andorra, quase nenhum de nossos amigos ou familiares sabiam onde se localizava o pequeno país, quase na fronteira entre Espanha e França. O principado é tax free, tem ótimas montanhas para o ski, um parque de diversões na neve para crianças e famílias, restaurantes lindos e de quebra um carnaval de rua que reuniu todo mundo na rua principal de uma das cidades do país!

Um surpreendente destino que acabou sendo um dos nossos favoritos na viagem!

26 a 27/02-Barcelona

Aproveitamos esta última noite em Barcelona para fazer um intensivo de bares e restaurantes que não havíamos ido nos dias anteriores e ficamos impressionados com a diversidade de lugares e pessoas que conseguimos conhecer em algumas horas na cidade! Fomos embora com a sensação de que precisamos voltar rapidamente pra lá!

27 a 28/02-Valencia

Confessamos que fomos visitar a cidade somente pelo complexo incrível que é a Ciudad de las Artes y de Las Ciências, um conjunto de sete prédios que reúnem museu, aquário, sala de concertos, pavilhão de exposições! O visual moderno do lugar rende fotos lindas, mas a cidade não se resume somente à isso, uma vez em Valencia deve-se provar a famosa Paella Valenciana, o centro histórico cheio de vendas de flores e a orla da praia.

28 a 02/03- Madrid e arredores.

Quase no fim da viagem, voltamos aonde tudo começou e onde pegaríamos o nosso voo de volta para o Brasil. Aproveitamos para passear pela cidade mais tranquilamente e vê-la do ponto de vista de quem mora ali, e não necessariamente como turistas, ávidos pelos pontos turísticos.

Voltar para casa foi um misto de emoções, depois de tantos lugares mágicos, comidas deliciosas, cores e cheiros que esse pequeno recorrido desses três países tão diferentes entre si e tão parecidos ao mesmo tempo, com história milenar, arquitetura que é um show a parte e o melhor, que se renova a cada visita e pode ser visitado em todas as épocas do ano.

Espero que vocês tenham gostado de viajar com a gente e que acompanhem os detalhes da viagem e de cada destino nos posts que virão!

Comments

comments

Maria Alice & Rafael
hello@fastencitybelt.com.br

Um casal apaixonado pela aventura de ver o mundo com outros olhos, fotografar por outros ângulos e passear por lugares óbvios em busca do incomum. A ideia do site nasceu da união da profissão do Rafael como fotógrafo e das oportunidades de viagem que os estudos da Maria Alice proporcionaram, somado as viagens que sempre fizemos como hobby.