México

Quem acompanha a gente pelo Instagram (@fastencitybelt) deve saber que acabamos de voltar de uma viagem pelo México, país que já visitamos algumas vezes e sempre temos o prazer de voltar.

O México, assim como o Brasil é um país enorme e populoso, com mais de 120 milhões de habitantes, impossível de conhecer em somente uma visita. A capital, Cidade do México, ou DF é super cosmopolita, e consequentemente insegura. Grandes restaurantes, hotéis, museus e atrativos turísticos estão localizados nela e em seus arredores, e em nossa opinião vale sim a pena conhecê-la.

Nossa viagem começou e terminou em DF, na ida em um voo da Latam saindo de Guarulhos e na volta para uma longa conexão que nos possibilitou visitar a casa e museu de Frida Kahlo, um must visit na capital. Das outras vezes conhecemos também o Estádio Azteca, as pirâmides de Teotiucan, o Palácio de Chapultepec e a imponente avenida Paseo de la Reforma. A cidade é como São Paulo, com muito trânsito, mas também com surpresas inesperadas e com encontro de gente do mundo inteiro.

Nosso destino final era Mérida, capital do estado de Yucatan e o mais seguro deste lindo país. Aproveitamos o convite de amigos para ficar uns dias por lá e conhecer mais desta cidade colonial que esconde tantas belezas e hotéis de tirar o folego. O calor de verão é intenso e as tardes são quase sempre acompanhadas de uma tempestade, que passa rápido e refresca um pouco.

O primeiro que visitamos foi a lindíssima e super conservada Hacienda Temozon (reserve aqui), há 45 minutos de Mérida e a outros 30 das pirâmides de Uxmal, lugar encantador que passou na nossa lista na frente de Chichén Itzá ( atração que visitamos em nossa primeira e segunda vez no país e que é sim imperdível, mesmo tendo um grande apelo turístico). Uxmal é bem mais vazia e igualmente grandiosa, e diferente de Chichén, aqui você pode subir em algumas delas e sentir-se ainda mais pequeno frente a grandeza da sabedoria e da arquitetura maia.Outra propriedade nos arredores da cidade que tivemos a honra de conhecer semanas depois dela receber o prêmio de melhor arquitetura do mundo, o indescritível Chablé (reserve aqui) é um oásis. Construído dentre do um cenote e com um spa que nós nunca vimos algo semelhante na vida, este hotel não é só o mais lindo como também com uma energia única, super em conexão com a natureza. Depois faremos um post completo de cada destino, de cada hotel com todos os detalhes pra vocês.Tivemos também a oportunidade de visitar o mega fotogênico e incrível Rosas y Xocolate (reserve aqui) no centro de Mérida, pertinho de todas as atrações do centro histórico, e também o Casa Lecanda (reserve aqui). Os dois são perfeitos para um fim de semana romântico e tem uma localização muito boa, dali você chega em bicicleta em qualquer lugar.Saindo da área de Mérida em um carro alugado, voltamos outra vez para a parte mais turística do país, a Riviera Maya, mas que mesmo sendo explorada constantemente por gente do mundo todo ainda esconde hotéis que são verdadeiras jóias, caso do Nizuc (reserve aqui), hotel localizado a mais ou menos quinze minutos da área mais turística de Cancun e que é um espetáculo no quesito serviço de primeira e romance.

De lá fomos direto para a parte mais hippie chic da Riviera Maya, Tulum. Este lugar é encantador e não tem nada a ver com o estilo all inclusive e grandes hotéis; aqui reinam pequenos hotéis, pousadas e restaurantes pé na areia cheio de personalidade. É o destino dos mais descolados, dos festeiros ou até mesmo daqueles que querem fugir de tudo e passar dias em um hotel em que se pode andar nu, sem energia elétrica, ou até mesmo nos mais requintados quartos com piscina privativa. A escolha é sua e faremos um post inteirinho pra esse destino que é o queridinho do momento. 

Na volta para Mérida, onde passamos mais alguns dias recorrendo todas as ruas da cidade e cada restaurante de dar água na boca, nós passamos uma noite em Izamal, ou Pueblo Mágico, ou então a cidade amarela. Cidade pitoresca, de poucas ruas, muita fé e inúmeros sorrisos. Nossa cama por aqui foi no simpático, mas nada luxuoso hotel Rinconada del Convento (reserve aqui), ali em frente ao convento de Pádua e ao centrinho deste que é mais um povoado que uma cidade em si.

Todos os detalhes desse roteiro vão ser detalhados por aqui, mas por enquanto vocês podem ter um gostinho com as fotos que já postamos no instagram @fastencitybelt e as dicas que já estão por lá!

O México é múltiplo, é intenso e segundo nós, impossível de você não se apaixonar, seja qual for a sua viagem e seus objetivos. O país e seu povo são alegres, reconhecem seus problemas e crescem neles, buscam sempre atender aos turistas de forma genuína e super atenciosa; e as belezas naturais, ah, essas são de tirar o fôlego! Hasta Luego, Hasta México!

Comments

comments

Maria Alice & Rafael
hello@fastencitybelt.com.br

Um casal apaixonado pela aventura de ver o mundo com outros olhos, fotografar por outros ângulos e passear por lugares óbvios em busca do incomum. A ideia do site nasceu da união da profissão do Rafael como fotógrafo e das oportunidades de viagem que os estudos da Maria Alice proporcionaram, somado as viagens que sempre fizemos como hobby.