Hacienda Temozón

O primeiro hotel UAU da nossa viagem foi a Hacienda Temozón (reserve aqui), uma propriedade incrível membro da The Haciendas (link), uma coleção de luxo de cinco fazendas no estado de Yucatán, México. Todas eram fazendas produtivas na época colonial, e hoje se transformaram em hotéis bem exclusivos, com poucos quartos e beleza de sobra.Escolhemos Temozón por alguns motivos, como a sua lindíssima e enorme piscina; os quartos charmosos e bem com cara de fazenda ; e não menos importante, a proximidade com cenotes e com as pirâmides de Uxmal, atração que estávamos loucos para conhecer. Outra grande facilidade é que o Aeroporto Internacional de Mérida está localizado a apenas 50 minutos do hotel, em uma região chamada Abalá.A melhor maneira de chegar a fazenda é de carro desde Mérida, mas você também pode contratar um transfer diretamente com o hotel. A estrada é super tranquila e segura, assim como todas que passamos durante a viagem. Nós viajamos sem GPS, somente com o auxílio do Waze e com o 3g do nosso chip da EasySim4u (link). Vale ressaltar que Yucatán é um dos, senão o mais seguro estado do país.Desde a chegada o hotel é muito preocupado com o bem-estar dos hóspedes, já nos recepcionaram com um chá de hibisco gelado, toalhas congeladas e muita educação. De noite, mimos como doces locais, água gelada e chás são servidos no quarto como cortesia antes da hora de dormir. Acreditamos que a melhor forma de aproveitar sua estadia por lá seja tirando uns dias para só relaxar, aproveitar o spa e a piscina do hotel, ou então fazer excursões durante o dia e curtir o fim de tarde e noite por lá, já que o entorno da fazenda não conta com opções de restaurantes e nem entretenimento.

Os quartos da Hacienda Temozón tem nomes que remetem às funções que eles ocupavam quando a fazenda estava a todo vapor, agora, transformados em suítes aconchegantes e elegantes.  Ficamos na Herradería, com sala de estar, cama king size, um banheiro enorme com acesso a uma banheira externa super antiga e pitoresca; quase não queríamos sair de lá. De noite, o lugar é muito silencioso e você dorme profundamente, uma delícia!!O café da manhã já está incluído na diária e é a la carte com variedades típicas com muito feijão preto e tortilhas de milho, mas também com os já consagrados omeletes, panquecas e frutas da estação. O hotel conta somente com um restaurante que tem vista para a piscina e os jardins da propriedade, onde são servidos café da manhã, almoço e jantar; na área da piscina, atenciosos garçons estão prontos para te atender com petiscos, drinks e sucos naturais, além do serviço de quarto que funciona a qualquer horário do dia.Mesmo estando muito encantados com o hotel, passamos meio dia visitando a zona arqueológica de Uxmal, distante apenas 40 minutos em carro. A estrada é sinalizada, mas fomos guiados pelo Waze para evitar qualquer problema. No caminho até lá, muitas elevações em linha reta, o que acabou rendendo fotos bem legais.

Não pegamos nada de fila na bilheteria para comprar os ingressos. Dois bilhetes dão acesso ao complexo arqueológico, o primeiro é uma taxa estatal e o outro uma governamental. Se você optar pelo espetáculo noturno que se chama Luzes y Sonidos, onde as pirâmides são iluminadas ao anoitecer e a história de Uxmal, a parceria que havia com Chichen Itzá e tantas outras curiosidades são contadas em forma de espetáculo, você deve comprar um terceiro ingresso.

Nós não ficamos para essa segunda parte, mas conhecemos gente que ficou e achou bem interessante, além do calor ser mais ameno. Durante o dia nós derretemos para tirar fotos da zona, e além disso, o esforço físico de subir as escadas é intenso e pede muita água e protetor solar.A zona arqueológica fica aberta de segunda a domingo das 08:00 as 17:00, nós recomendamos visitar o mais cedo possível para tentar evitar o calor intenso, ou o mais perto da noite possível, mas deve-se levar em consideração que no fim do dia algumas vezes a chuva veio nos visitar durante a nossa viagem e pode acabar estragando o seu passeio. Lá dentro das zonas da pirâmide não existe venda de água nem nada, então comprem na entrada; antes do estacionamento existe também um hotel e um restaurante, nós não visitamos, mas ambos estavam movimentados.Em nosso último dia em Temozón aproveitamos para passar toda a manhã na deliciosa piscina do hotel, disparado o nosso lugar favorito por lá! Não tivemos tempo de experimentar o Spa deles, mas ele está ao lado da piscina e vimos alguns hóspedes saindo de lá. Além disso, a menos de 4 kms do hotel tem um cenote que pelas fotos pareceu super bonito, ficará para a volta!Para finalizar, adoramos ter a oportunidade de conhecer este lindo hotel, muito preservado e silencioso. Este pode não ser o destino ideal para crianças pequenas pela distancia de grandes centros urbanos, mas o pessoal do hotel se mostrou muito disposto a atender pedidos de modificação de cardápio, ou qualquer pedido especial do room service. Com certeza voltaríamos para dormir mais algumas noites na nossa casinha escondida e cheia de paz! “Hasta Luego” até o próximo hotel da nossa viagem, o indescritível Nizuc em Punta Nizuc na Riviera Maya.

Comments

comments

Maria Alice & Rafael
hello@fastencitybelt.com.br

Um casal apaixonado pela aventura de ver o mundo com outros olhos, fotografar por outros ângulos e passear por lugares óbvios em busca do incomum. A ideia do site nasceu da união da profissão do Rafael como fotógrafo e das oportunidades de viagem que os estudos da Maria Alice proporcionaram, somado as viagens que sempre fizemos como hobby.